.

Photobucket
"A vida tem caminhos estranhos, tortuosos às vezes difíceis: um simples gesto involuntário pode desencadear todo um processo. Sim, existir é incompreensível e excitante..." (Caio F. Abreu)

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Pra não dizer que não falei das flores...

Prefiro as rosas cor-de-chá ! Hum rum...Nada contra as apaixonantes vermelhas, aquelas que também os amigos podem ofertar como forma de respeito, que lisonjeam a beleza de quem as recebe....Ou pelas que carregam em sua beleza o próprio nome, as rosas cor-de-rosa, símbolo de agradecimento e apreço, que sugerem a NÃO maldade. Que dirá das amarelas, ideais para ofertarmos aos jovens mas, que (dizem por aí...acho superstição) podem ser cheias de segundas intenções (ou terceiras, quartas....hehehe)...mas isso gente, só vale para quem a gente não conhece, porque para os amigos é símbolo de alegria e satisfação...

Ah ! As brancas ! Presentes nos casamentos, nas mãos de noivas em forma de buquet, pureza e inocência juntinhas, desejos de uma vida longa e feliz. E são tantos matizes ! Em Holambra cultivam-se rosas que, ao terem adicionados corantes especiais, tornam-se multicoloridas...uma maravilha...quase não se vê isso aí pelo mundo de Meu Deus...
As verdes, da esperança, as azuis da confiança e afeto, as laranjas...hum...entusiasmo e desejo (anotem isso...hehehe), as violetas aristocráticas que ensejam calma e auto-controle...

Só não gosto das Rosas de Hiroshima, não mesmo...Humpft ! Pensem nas crianças, mudas telepáticas...Pensem nas meninas, cegas inexatas...Pensem nas mulheres, rotas alteradas...Pensem nas feridas,como rosas cálidas... (Gerson Conrad e Vini escreveram isso).

Então, fico com as Cor-de-Chá...porque elas significam amor, respeito e admiração e, levam um recado sempre : nunca me esquecerei de ti...

Putz...tá vendo ? Fui falar nelas, falar em "não esquecer"...deu meléka...hehehe ! "Queixo-me às rosas mais, que bobagem, as rosas não falam, simplesmente as rosas exalam o perfume que roubam de ti...ai ..." ( saudades de tu Cartola, e dela...)

2 comentários:

Dinorah disse...

Fernando,
Cheguei até aqui seguindo os passos da Danizinha, e li este posto sobre rosas cor de chá - confesso que gosto de todas as cores, mas a predila são estas - cor de chá. Sei lá, tem um ar de nobresa, suavidade, carinho.
um abraço
Dinorah

Cristina Lira disse...

Olá querido amigo!
Nossa, gostei da intensidade expressa na palavra multicoloridas. Não pq eu seja Biologa, mas a leitura desse texto me foi super aconchegante...particularmente gosto de uma flores laranjas que costumam colorir as matas do meu sertão no metade da estação chuvosa, fica um alaranjado na mata lindo de ver...

Bjos no coração, boa noite....Inté!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...