.

Photobucket
"A vida tem caminhos estranhos, tortuosos às vezes difíceis: um simples gesto involuntário pode desencadear todo um processo. Sim, existir é incompreensível e excitante..." (Caio F. Abreu)

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Você tem medo de que ?

Você tem medo de que ? De dizer não para aquela pessoa querida mesmo sabendo que o sim significa problemas no futuro?  De admitir que se enganou com uma pessoa, que errou na dose do sentimentalismo e fechou os olhos para a realidade que todos viam? Aceitar que o fim de um relacionamento já chegou há muito tempo e você, só você insiste em manter as aparências? 

Você tem medo de quê? De falar para a famí­lia e os verdadeiros amigos o quanto os ama e, por isso, fica calado imaginando que todo mundo sabe disso? De perder o emprego medíocre e, por isso, se submete a tirania de um local que você não se sente bem? 

Você tem medo de que? De aceitar que seu atual "estado" é reflexo apenas dos seus atos, das suas atitudes, algumas vezes impensadas e feitas de pura ansiedade? De sair da capa de vítima e encarar de frente seus sonhos, suas necessidades e descobrir que pode realizá-los? De questionar velhos conceitos e mudar tudo para viver melhor? 

Você tem medo de que? De aceitar que Deus existe e que nos pede ação sempre, trabalho sempre, boa vontade sempre, perdão sempre, amor sempre ? 

Não tenha medo de ser feliz, arrisque-se, aventure-se... Caiu? Levante-se. Errou? Comece de novo. Perdoe sempre. Esqueça o que passou, construa o hoje, viva o hoje. Ame-se sempre!

(Reflexões - blogspot.com - Paulo Roberto Gaefke)

8 comentários:

* Verinha * disse...

Belíssimo texto.. aliás tudo de Paulo Roberto Gaefke é sempre muito fantástico. Devemos mesmo é encarar o medo e desafiá-lo.. arriscar.. ir em frente e acima de tudo viver.. esse com certeza é nosso grande dever.

Beijo grande em seu coração Fernando!

Verinha

C. disse...

Adorei esse texto!
Eu tenho medo (como sempre) de me enganar com as pessoas, eu já deveria estar acostumada, mas é constante. Mas esse é meu maior medo!!

Sylvio de Alencar. disse...

Completo dizendo que o Medo é um estado de não-ser: é como se a brisa que vem do mar da vida não balançasse nossos galhos, nossas palmas - como se não a sentíssemos...
Não há razão para o Medo, conheça-te, e ele não terá razão de existir.

Abraços.

Marília Felix disse...

Eu tenho medo de perder as pessoas que amo!

Medo de te perder Nando!

Moço, eu estou com sérios problemas de saudades... rsrsrs

Ai ai!

Beijos e cheiros!

Elaine Freitas disse...

Olá meu querido!

Esses medos as vezes nos assombram, mais realmente se não desvincularmos, muitas vezes, nos perdemos em sentimentalidades que já noa tem mais fundamento.
Felicidade sempre é a melhor escolha

Amei seu post

Beijinhos de bom final de semana!

Néia Lambert disse...

O medo até um certo ponto é bom para que não nos arrisquemos demais, mas quando é exagerado, limita muito a vida.

Um abraço.

Luana Liarkeis disse...

lindo post
!!!

tenha um ótimo fim de semana!!

seu blog continua lindo com sempre!!

o medo faz parte, porém devemos sempre supera-los!

bj!

Cristina Lira disse...

Oiii meu irmão das estrelas!
Como vc tá Nando?
Espero que bem...

Amei ler esta postagem viu, e agora no finalzinho da tarde então..amei mesmo...Não podemos ter medo de nada, ser fortes e resistentes, mas...as vezes...rs... porem o que impoortaa é ir adiante, cair e saber levantar, e se nos perdermos no percurso dos caminhos, saber dar a volta e recomeçar...

É bom demais passar aqui viu...fica ai com hiper, ultra, mega..super..ABRAÇOSSS...rs

Tudo de bom pra ti pessoa querida a quem digo com prazer enorme: MEU AMIGO!

beijitos e XEROSSS...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...