.

Photobucket
"A vida tem caminhos estranhos, tortuosos às vezes difíceis: um simples gesto involuntário pode desencadear todo um processo. Sim, existir é incompreensível e excitante..." (Caio F. Abreu)

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Catingueira esteve em Festa...

Humpft ! Trabalhar em Sete de Setembro dá nisso. Como no aniversário da menina CRIS LIRA, acabei "esquecendo" do niver de MARÍLIA FELIX, essa mocinha bonita aí da foto, que completou ontem mais um ano nesta sua presente jornada terrena. Mesmo com atraso de algumas horas, deixo então meu beijo carinhoso e o desejo de que sua vida seja permeada de muitas alegrias, de bastante saúde para seguir com seus objetivos profissionais. Que sejam os anos próximos, fecundos em amor e serenidade, regados à muita humildade, principalmente para superar todos os obstáculos que ainda irás viver Marília. Feliz Aniversário...

Quando de meu aniversário, Marília e outras amigas queridas me homenagearam. Não as conheço; foi aqui através do blog, desse monitor e dessas imagens, que esbarrei com elas, um dia num passado não muito distante. Eram dias de muita impaciênca, de muitas indagações, de algumas frustrações. Através de seus textos e comentários, elas fizeram com que o cotidiano se tornasse mais leve, as noites mais serenas, e a vida...ah! a Vida ! Tornou-se muito mais bela e feliz...

Lá atrás tive mais "tempo" para dedicar ao meu cantinho e trololar com elas. Hoje, está muito mais difícil. Mas sempre que posso navego em suas páginas buscando inspiração ou, apenas, encantando minha alma com aquilo que escrevem. São textos carregados de emoção e paixão ou, então, de certezas e incertezas. Característica de quem é jovem ainda, como Marília, minha menina...

Para ti, Marília, palavras da imortal CLARICE LISPECTOR, em sua obra "Mudança". Espero que gostes...PARABÉNSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS !

Mude, mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade. Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa. Mais tarde, mude de mesa. Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua. Depois, mude de caminho, ande por outras ruas, calmamente, observando com atenção os lugares por onde você passa. Tome outros ônibus. Mude por uns tempos o estilo das roupas. Dê os seus sapatos velhos. Procure andar descalça alguns dias. Tire uma tarde inteira para passear livremente na praia, ou no parque, e ouvir o canto dos passarinhos.

Veja o mundo de outras perspectivas. Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda. Durma no outro lado da cama...Depois, procure dormir em outras camas. Assista a outros programas de tv, compre outros jornais... leia outros livros. Viva outros romances. Não faça do hábito um estilo de vida. Ame a novidade. Durma mais tarde. Durma mais cedo. Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua. Corrija a postura. Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes, novos temperos, novas cores, novas delícias. Tente o novo todo dia. O novo lado, o novo método, o novo sabor, o novo jeito, o novo prazer, o novo amor. A nova vida.

Tente...

Busque novos amigos. Tente novos amores. Faça novas relações. Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes, tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria. Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa. Escolha outro mercado... outra marca de sabonete, outro creme dental...Tome banho em novos horários. Use canetas de outras cores. Vá passear em outros lugares. Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes. Troque de bolsa, de carteira, de malas, troque de carro, compre novos óculos, escreva outras poesias. Jogue os velhos relógios, quebre delicadamente esses horrorosos despertadores. Abra conta em outro banco.

Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros, outros teatros, visite novos museus. Mude. Lembre-se de que a Vida é uma só. E pense seriamente em arrumar um outro emprego, uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano. Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as. Seja criativo. E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa, longa, se possível sem destino. Experimente coisas novas.
 
Troque novamente. Mude, de novo. Experimente outra vez. Você certamente conhecerá coisas melhores e coisas piores do que as já conhecidas, mas não é isso o que importa. O mais importante é a mudança, o movimento, o dinamismo, a energia. Só o que está morto não muda ! Repito por pura alegria de viver: a salvação é pelo risco, sem o qual a vida não vale a pena !!!

3 comentários:

Néia disse...

Oi querido amigo...
Passei para dizer um olá e aproveitar para ler esta sua mensagem tão linda.
beijos....

Marília Felix disse...

Você ainda vai me matar de tanta emoção viu? Eu, que já sou dramática.com kkkkk

Nando, eu não sei o que dizer.
Me deixas sem palavras SEMPRE!

Hoje eu não que quero dizer nada.
Só quero sentir essa alegria que brota aqui de dentro em forma de sorrisos para você!

Eu te amo!

Sente meu abraço imaginário!

Carmen Troncoso disse...

Esperanza y cambios, todo eso nos trae la vida y celebrarla por supuesto!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...